Anvisa suspende prótese mamária de silicone de marca francesa


SAÚDE

Irregularidade
Auditoria constata que método de esterilização utilizado está em desacordo com que consta no registro do produto


Publicado: 22/12/2014 13h06 Última modificação: 22/12/2014 13h06
Itens relacionados
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu, nesta segunda-feira (22), a importação, distribuição, comercialização e implante da Protése Mamária de Silicone Arion, fabricada pela empresa francesa Laboratoires Arion e registrada por Imact Importação e Comércio Ltda.

A determinação abrange as próteses esterilizadas por óxido de etileno — fabricadas a partir de 28/04/2014 — e por calor a seco.

Uma auditoria realizada na fábrica nos dias 28 e 29/04/2014 constatou que o método de esterilização utilizado está em desacordo com o que consta no registro do produto.

O Instituto Falcão Bauer da Qualidade suspendeu a Autorização para Uso do Selo de Identificação da Conformidade do produto.

Apesar da irregularidade, a prótese não apresenta risco à saúde dos pacientes que já tenham o produto implantado.

A empresa Imact Importação e Comércio Ltda fica responsável por promover o recolhimento do estoque existente no mercado relativo ao produto citado acima.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (22).

Fonte:


Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative CommonsCC BY ND 3.0 Brasil 

Comentários