A toga e Lula - A justiça que não sabe direito


EdiSilva
De acordo com informação da página oficial do TRF4, a oitava turma, que será encarregada de julgar o recurso de Lula contra a condenação sem provas de moro, é composta da seguinte forma:

Victor Luiz dos Santos Laus 
João Pedro Gebran Neto
Leandro Paulsen - Presidente

De cara, vemos ali João Pedro Gebran Neto, que foi responsável por julgar o mandado de segurança de Lula contra o absurdo bloqueio de suas contas. Em sua resposta, ele admite que Lula tem razão, mas que não há pressa em decidir, pois, de acordo com ele, o ex-presidente recebe auxílio em decorrência de ter ocupado o cargo de presidente da república. Provavelmente Lula é tratado de forma diferente de todos os ex-presidente pós constituição de 1988 (informação do Tijolaço), que não prevê este auxílio. 

Sendo assim, e com o grau de conhecimento demonstrado pelo desembargador, como esperar que os colegas dele ajam de forma diferente?

Creio que seja errado dizer que a tal "força tarefa da lava jato" (que deveria ser chamada de "força tarefa Lula e PT") seja formada pela PF e pelo MPF e dirigida pela globo. Talvez tenhamos que juntar novos membros ligados aos tribunais regionais e federais, chegando ao stf.

Aguardemos, mas, apesar do repúdio à sentença demonstrado por um enorme rol de juristas, não tenho grandes esperanças do que possa sair de nossos tribunais que ao menos se pareça com justiça.

  • Curta a página do Forte Cultural no Facebook
  • Curta a página Resistência no Facebook
  • Siga o Forte Cultura no Twitter

Veja também:
Curtam as páginas Resistência e Forte Cultural no facebook

Comentários